Pijamas e pantufas para visitar a exposição da dupla OSGEMEOS

Só o passeio à exposição “A ópera da lua”, da dupla de grafiteiros OSGEMEOS, já era uma oportunidade de muito aprendizado para os participantes do Ateliê Arte na Cidade, do Matéria-Prima Itapevi. Mas o educador Gabriel Daher resolveu enriquecer ainda mais a experiência: ele propôs que as crianças também fizessem sua própria intervenção durante as visitas, que aconteceram nos dias 29 e 31 de julho!

Antes dos dias marcados para ir ao Galpão Fortes Vilaça (onde aconteceu a mostra), em São Paulo, o educador falou sobre o contexto do movimento hip-hop, que tem o grafite como um de seus quatro elementos principais (os outros são break, MCs e rap). Com cores vibrantes nas roupas e nos desenhos e um estilo único de dança e música, a estética do hip-hop surgiu nas periferias dos Estados Unidos com a ideia das pessoas deixarem sua marca no mundo ao serem diferentes.

Nas visitas as crianças também fizeram as coisas de uma maneira diferente, deixando sua marca com a intervenção “A gente veio sonhar”: elas viram as obras de OSGEMEOS vestidas de pijamas, meias e pantufas e munidas de travesseiros e ursinhos de pelúcia.

Publicado em agosto 19, 2014, em Artes plásticas, Ateliê Arte na Cidade, Matéria-Prima Itapevi e marcado como , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: