O Passo: uma educação musical para todos

“A ideia do famoso ‘dom’, de que se nasceu ou não para a música, é perigosíssima e tem realmente servido apenas como desculpa tanto para aqueles estudantes que não têm forças para entrar ou permanecer num processo de ensino-aprendizagem musical quanto para aqueles professores que não sabem como conduzir esse processo.”

Lucas Ciavatta, autor do método para a educação musical O Passo

Entre as ações do Ateliê-Escola, está o Ateliê Canto em Grupo. O ensino de música, embora esteja previsto por lei, está longe de ser oferecido pela maioria das unidades escolares. Razões para isso, como sabemos, não faltam. Mas, felizmente, para algumas escolas, a presença dos educadores do Instituto Eurofarma tem tornado possível esse ensino.

Duas das perguntas-chave que orientam qualquer ação educativa, “O que queremos ensinar?” e “Como vamos fazer isso?”, têm sido respondidas no contexto do Ateliê Canto em Grupo da seguinte maneira: queremos que os estudantes conheçam compositores e sejam capazes de cantar canções que se tornaram “clássicos” da música brasileira. Para isso, vamos lhes apresentar obras de Pixinguinha, Luís Gonzaga, Dorival Caymmi, Noel Rosa, Vinícius de Moraes, Tom Jobim, Caetano Veloso e outros. Queremos também que os estudantes conheçam e valorizem a diversidade rítmica brasileira, porque a consideramos um dos nossos patrimônios culturais mais importantes.

E como vamos ensinar o que estamos nos propondo? O uso d’O Passo no Ateliê-Escola

O Ateliê Canto em Grupo é conduzido por quatro educadores. Embora cada um tenha seu jeito de ensinar, todos concordam sobre a eficácia do método de educação musical chamado O Passo, criado pelo carioca Lucas Ciavatta e que tem sido usado não só no Brasil, como em outras partes do mundo.

Qualquer produção sonora feita por uma pessoa demanda necessariamente algum movimento corporal. Ou seja, não é possível tocar ou cantar sem realizar algum tipo de movimento. O corpo, portanto, é o único instrumento do qual não podemos prescindir para fazer música. Foi a partir dessa observação (aparentemente óbvia), que Lucas Ciavatta desenvolveu O Passo.

Os dois princípios que orientaram a elaboração do método, a inclusão e a autonomia, foram decisivos para sua adoção pelo Ateliê-Escola. O princípio da inclusão expressa a crença de Lucas de que todos são capazes de aprender música, crença compartilhada pelos gestores do Ateliê-Escola. Além disso, Lucas também se dedicou a elaborar um jeito de ensinar que contasse apenas com recursos bem simples: palma e voz. Assim, não é necessário instrumentos ou equipamentos que, muitas vezes, as escolas têm dificuldade em conseguir.

O método consiste no uso de movimentos específicos com os pés (os passos) e as mãos (as palmas) para acompanhar a pulsação da música e, consequentemente, entender sua estrutura rítmica. “É uma linha de pensamento de educação musical que defende que é o corpo que vai facilitar a compreensão do ritmo dentro de uma pulsação. Então o corpo está sempre manifestando a pulsação da música para que a gente possa compreender os eventos rítmicos em relação a essa pulsação”, diz Daniel Reginato, um dos educadores do ateliê.

Em uma das atividades, os participantes precisam acompanhar as palmas do educador, porém, de costas para ele – o que não dá certo. Daniel pergunta o que poderiam fazer para que todos batessem palmas ao mesmo tempo, e as próprias crianças dão a sugestão: contar até três para bater as palmas. É a deixa para o educador apresentar O Passo Quaternário Simples, em que um compasso de quatro tempos é marcado por dois passos para frente e dois para trás. Ao contar os passos e saber em qual deles todos vão bater palmas, os pequenos conseguem fazer isso juntos, sem depender de ver o que Daniel está fazendo.

Para conhecer mais sobre O Passo, acesse: opasso.com.br.

Publicado em outubro 28, 2016, em Ateliê Canto em Grupo, Ateliê-Escola e marcado como , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: