Uma sala de aula ao ar livre na EMEF Alferes Tiradentes

O viveiro da EMEF Alferes Tiradentes ganhou um espaço repleto de biodiversidade construído pelo Viveiro Escola, do Ateliê-Escola: uma pequena agrofloresta. Este espaço mistura tanto plantas comuns em hortas e pomares quanto outras presentes em florestas, formando um ambiente em que as diversas espécies contribuem com o crescimento umas das outras. “É como se fosse uma sala de aula na natureza, toda a complexidade da natureza está presente lá”, descreve Pedro Massella, educador do Viveiro Escola.

Junto com o educador Marcel Zimmermann, Pedro organizou um mutirão para reformar todo o espaço, aplainando o terreno, fazendo degraus, substituindo madeiras estragadas, construindo contenções de terra… Ao longo do ano, eles plantaram uma variedade de espécies, como feijão-guandu e mamona (que atuam como adubos verdes), bananeira, limoeiro, moringa, begônia, cosmos, beterraba, rúcula, manjericão e muito mais!

O resultado foi um espaço lindo e que, além de proporcionar o plantio de espécies que podem ser consumidas, também já se tornou local de aulas das turmas da escola. “Os professores não precisam saber tudo sobre agrofloresta para ensinar, eles podem ir lá e aprender junto com os alunos”, diz Pedro. “É um material didático vivo.”

Publicado em agosto 4, 2017, em Ateliê-Escola, Viveiro Escola e marcado como , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: