Arquivos do Blog

Instalação das esculturas produzidas no Ateliê Artes, Jogos e Brincadeiras

Já mostramos as esculturas prontas aqui (clique para acessar) e agora apresentamos as instalações concluídas!

As esculturas foram confeccionadas em papel machê e adornadas com grafismos inspirados na cultura indígena e com referências à produção da artista Niki de Saint Phalle.

A partir de agora, os alunos das escolas EMEF Professor Laerte Ramos Carvalho, EE Professora Amélia Moncon Ramponi,  EMEF Carlos de Andrade Rizzini e  EMEF Alferes Tiradentes podem contemplar orgulhosamente as obras que produziram ao longo do semestre, conduzidos pelos educadores Fúlvia Marchezi e Tiago Gualberto!

Confiram o resultado:

Instalação dos painéis produzidos pelo Ateliê de Artes, Jogos e Brincadeiras

Painéis ilustrados com motivos de arte urbana foram produtos finais de  algumas turmas do Ateliê Artes, Jogos e Brincadeiras.

Conduzidos pelos educadores Fúlvia Marchezi e Tiago Gualberto, os alunos se inspiraram nas obras dos artistas Jean Michel Basquiat, Henry Matisse, Juan Miró, Mônica Nador e Alex Valauri para dar cor e vida às grandes placas de Eucatex (120 x 160 cm) utilizando estêncis.

Ao final no percurso, as obras foram instaladas nas escolas onde o projeto foi conduzido: EMEF Professor Laerte Ramos Carvalho e EE Professora Amélia Moncon Ramponi. Vejam animações em stop motion dos momentos das instalações!

Educador do Ateliê-Escola expõe em Amsterdã

O artista Gabriel Daher, assistente dos educadores Fúlvia Marchezi e Tiago Gualberto no Ateliê Artes, Jogos e Brincadeiras, participou do Gogo Project 302hrs na Galeria AWA Amsterdam, na Holanda.

Gabriel expôs “Cosmoéticas Silêncio, um registro de intervenções urbanas, pinturas e vídeo arte em projeção mapeada.

Para ver mais de suas obras, clique aqui!

Prontas esculturas gigantes produzidas no Ateliê-Escola: agora é só planejar a instalação!

A confecção das esculturas está concluída e é hora de planejar suas instalações: como comentamos aqui, os participantes dos ateliês de Artes, Jogos e Brincadeiras aproveitaram a inspiração trazida pelo mês em que se celebra o Dia do Índio para um mergulho na cultura indígena, com o estudo dos grafismos utilizados pelas diferentes etnias. Após coletar referências, os participantes criaram grandes esculturas no formato de cabaças de papel machê adornadas com grafismos.

A próxima etapa é a instalação das esculturas nas próprias escolas em que o Ateliê é conduzido: E.E. Professora Amélia Moncon Ramponi, EMEF Carlos de Andrade Rizzini, EMEF Prof. Laerte Ramos Carvalho, EMEF Alferes Tiradentes e EMEF Prof. Linneu Prestes.

Vejam o projeto das instalações, desenhado pelo educador Tiago Gualberto (responsável pelo ateliê em parceria com a educadora Fúlvia Marchezi) e as esculturas prontas para serem instaladas ao longo do mês de julho:


Projetos para o Ateliê-Escola

Ateliê Som e Movimento

As atividades de 2012 do Ateliê-Escola tiveram início no dia 5 de março e os planos para os ateliês prometem! Vejam o que foi preparado para cada um deles:

Ateliê Canto em Grupo

Os alunos das 16 turmas em que o Ateliê acontece aprenderão sobre os grandes nomes da música brasileira (autores e ritmos). No segundo semestre os grupos se apresentarão em suas respectivas escolas para pais, professores e alunos.

Ateliê Som e Movimento

Para ampliar o repertório de movimentos corporais dos alunos, cada turma se aprofundará no estudo de um folguedo popular. Percorrerão todas as etapas de elaboração para sua apresentação, que acontecerá no segundo semestre. O programa visa incentivar a formação de núcleos de brincadeiras populares nas escolas.

Ateliê Digital

Como parte da proposta de apresentar ferramentas para que as crianças assumam o papel de geradoras – e não apenas consumidoras – de conteúdo no meio digital, o Ateliê promoverá a criação de um acervo de histórias de vida registradas em vídeo. Selecionadas e narradas pelas próprias crianças, as histórias serão disponibilizadas em um endereço eletrônico compondo uma biblioteca virtual.

Ateliê Artes, Jogos e Brincadeiras

Ateliê Era uma Vez…

As atividades serão focadas na compreensão e exercício dos recursos envolvidos na contação de histórias. Ao final do percurso as crianças redigirão suas próprias narrativas que serão organizadas em uma coletânea impressa.

Ateliê Artes, Jogos e Brincadeiras

Aproveitando a inspiração trazida pelo mês em que se celebra o Dia do Índio, o Ateliê promoverá um mergulho na cultura indígena com o estudo dos grafismos utilizados pelas diferentes etnias. O processo culminará na confecção de grandes esculturas no formato de cabaças de papel machê adornadas com grafismos. As esculturas serão expostas nas próprias escolas.

Um segundo percurso se orientará no aprendizado acerca do uso da cerâmica em diferentes civilizações antigas (como a greco-romana e as indígenas da América do Sul), culminando na pintura de pratos de gesso com releituras dos elementos estéticos encontrados nessas civilizações. Os pratos serão instalados em conjunto nas paredes dos refeitórios das escolas.

Por fim, um terceiro percurso será fundamentado no estudo de produções artísticas de inspiração urbana, utilizando como referência as obras de artistas como Monica Nador e Gustav Klimt.  Os alunos produzirão ilustrações em enormes painéis de Eucatex e tecido utilizando a técnica de estêncil. Estes também serão instalados em suas escolas.

Conheça o Ateliê-Escola

O Ateliê-Escola é uma iniciativa do Instituto Eurofarma.

Trata-se de uma ação educativa realizada em escolas públicas para estudantes do Ensino Fundamental, preferencialmente para alunos entre 6 e 11 anos de idade (2º ao 5º ano). As atividades estão divididas por ateliês, que são realizados de acordo com as agendas estabelecidas com as escolas. Cada ateliê é dirigido a áreas específicas e, dessa maneira, pode contribuir com os objetivos de aprendizado de cada uma delas. Os estudantes e professores participantes também recebem materiais didáticos concebidos para auxiliarem no desenvolvimento dos temas, principalmente por meio da produção escrita e pesquisa.

Os ateliês realizados são:

Ateliê Era Uma Vez…

Contação de histórias em sala de aula.

Área relacionada: Língua Portuguesa

Como acontece?

As contadoras visitam a sala de aula (ou sala de leitura) para contar histórias. O tipo de contação escolhido é a contação colaborativa, proposta por Kiara Terra. Ao longo de toda a história, as contadoras solicitam de maneira criativa a participação das crianças, que dão nome aos personagens, definem suas características, etc. Ao longo do semestre, cada sala de aula participa de 3 contações diferentes, cada ateliê dura de 50 a 60 minutos.

Canto em Grupo

Formação de coros infantis.

Área relacionada: Música

Como acontece?

As turmas participantes do Canto em Grupo recebem, uma vez por semana, a visita de um músico profissional que conduz as atividades planejadas. O objetivo do Ateliê é iniciar as crianças no mundo da música por meio da formação de coros infantis. Cada ateliê dura 60 minutos.

Ateliê Digital

Áreas relacionadas: Língua Portuguesa e Estudos Sociais

Como acontece?

As turmas participantes do Ateliê Digital recebem, semanalmente, a visita de um educador que conduz as atividades. O objetivo geral do ateliê é ensinar os estudantes a usar a Internet como meio para pesquisa e como lugar de divulgação de suas produções (textos, blogs, pesquisas, etc). Os projetos desenvolvidos são elaborados em consenso com a equipe do Ateliê Digital e os professores das turmas.

Os jovens aprendem a construir blogs, captar imagens de vídeo, fazer upload de imagens e textos e usar a internet como fonte de pesquisa e de divulgação para ações com funções sociais importantes.

As atividades do Ateliê acontecem nos laboratórios de informática e em outros espaços propícios ao desenvolvimento dos projetos definidos. Cada Ateliê dura 60 minutos.

Som & Movimento

Áreas relacionadas: Educação Física e Estudos Sociais

Como acontece?

As turmas participantes do Ateliê Som & Movimento recebem, semanalmente, a visita de um arte-educador profissional que conduz as atividades. As atividades são realizadas na quadra ou em qualquer outro espaço apropriado para a realização de atividades corporais.

No Ateliê, são trabalhados jogos cooperativos, danças populares, brincadeiras de quadra, etc. Cada ateliê dura 60 minutos.

Artes, Jogos e Brincadeiras

Brincadeiras daqui e de lá

Áreas relacionadas: Artes, Estudos Sociais, Matemática e Língua Portuguesa

Como acontece?

O Ateliê Artes, Jogos e Brincadeiras: Brincadeiras daqui e de lá conta com quatro temas para conduzir as crianças no aprendizado sobre brincadeiras populares e elementos da cultura e da arte de povos das Américas, da África e Ásia.

Os temas são: os indígenas do Brasil e a cultura popular do Brasil, a África, o Japão, o México e as civilizações pré-colombianas.

No desenvolvimento das atividades os estudantes aprenderão a localização geográfica desses grupos ou países, as características de sua população, brincadeiras, tradições, etc.

As etapas acontecem da seguinte maneira: nos dois primeiros encontros, os arte-educadores visitam a sala de aula e trabalham com as crianças sobre o país-tema. No último encontro, uma sessão de cinema, ou um evento especial, acontece para fechar a etapa. Todos os equipamentos são providenciados pelo Instituto Eurofarma. Cada etapa dura 3 encontros com cerca de 60 minutos, que são realizados numa única semana (segunda, quarta e sexta).