Arquivos do Blog

Tem novidade no Ateliê-Escola: um ateliê de capoeira

A capoeira chegou ao Ateliê-Escola! O Ateliê Som e Movimento – Capoeira está sendo realizado com quatro turmas (uma de 1º ano e três de 5º ano) da EMEF Professor Laerte Ramos de Carvalho. Para a maioria dos participantes, esse é o primeiro contato com a atividade, e as crianças estão curtindo bastante conhecê-la. “O pessoal está se envolvendo muito rápido”, conta o educador César Pedrosa.

Os fundamentos dessa manifestação cultural são apresentados em forma de brincadeiras, como em um circuito de obstáculos em que as crianças têm que usar os movimentos da capoeira para ultrapassá-los. Na brincadeira “bom vaqueiro”, que é o nome de uma música da capoeira, os participantes cantam essa canção enquanto fogem do laço do vaqueiro (interpretado por César). Se forem pegos, só podem voltar ao jogo fazendo um movimento também. “Deixamos bem claro que criança não pode lutar, apenas brincar. Trabalhamos muito a interação e o respeito entre elas”, explica o educador.

Ao final de cada encontro os participantes abrem uma roda de capoeira para jogar. Além da prática, César também apresenta a história dessa manifestação cultural, que começou com os negros trazidos como escravos ao Brasil. No próximo mês as turmas vão conhecer os instrumentos tocados durante o jogo: berimbau, pandeiro, atabaque, agogô e reco-reco. E em novembro, todos farão uma apresentação aos pais e colegas da escola.

Fique ligado: Um projeto de lei que permite que escolas públicas e privadas integrem o ensino da capoeira com seus projetos pedagógicos foi aprovado na Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado, no dia 19 de maio. Isso reforça a importância da capoeira não só como manifestação cultural, mas por seu valor educacional. Agora, o projeto está em avaliação na Câmara dos Deputados. Saiba mais aqui.

MPSP participa de oficinas e jogos no Encontro de Capoeiristas

As crianças do Ateliê Som e Movimento do Matéria-Prima São Paulo foram até o Colégio Rainha da Paz para participar de um grande evento da escola: os Jogos de Integração. É um evento que reúne estudantes de vários colégios e instituições em dias diferentes para torneios esportivos, brincadeiras e oficinas.

Acompanhados pelo educador César Pedrosa, o pessoal do ateliê participou do Encontro de Capoeiristas que aconteceu durante os Jogos no dia 20 de setembro. Eles passaram a manhã interagindo com outros alunos em oficinas de capoeira regional e capoeira de Angola e participaram de muitos jogos e brincadeiras.

Recreio nas Férias reúne mais de 1200 crianças

De 23 a 27 de junho, 1221 crianças e jovens de 5 escolas públicas de São Paulo conheceram um pouco mais sobre as atividades realizadas no Matéria-Prima São Paulo com o projeto Recreio nas Férias. Dentro das escolas, os estudantes participaram de ateliês que costumam ser realizados no MPSP. O objetivo foi levar atividades recreativas e educativas aos estudantes durante o período de recesso escolar.

As escolas que receberam os ateliês foram as EMEFs Almirante Silvio Heck (323 crianças), Bernardo O’Higgins (307) e Carlos de Andrade Rizzini (248), CEUs Caminho Do Mar (225) e Alvarenga (90).

As atividades aconteceram durante uma semana, de segunda a sexta. Foram reservadas duas horas (de acordo com a disponibilidade da escola) para as atividades de três ateliês: Era Uma Vez…, Jogos e Brincadeiras e Som e Movimento.

O Ateliê Era Uma Vez… foi dado por três educadores: João Alves, que contou Histórias Espanholas; Carla Kinzo, que levou o tema “O mundo dos livros e suas diversas histórias”; e Suelen Ribeiro, que contou os “Contos e Cantos de Fadas”.

O Ateliê Jogos e Brincadeiras ficou por conta de dois educadores: Luana Batista, que fez brincadeiras e jogos adaptados, e Tábata Vieira, que fez um circuito de brincadeiras adaptadas.

No Ateliê de Som e Movimento rolou uma roda de capoeira, explorando a musicalidade e movimentos alternativos – dados pelo educador César Pedrosa.

Os estudantes também aprenderam noções de educação ambiental com Bruno Helvécio, que organizou jogos sobre o meio ambiente com foco nos cinco sentidos do corpo.

Confira o que rolou no Matéria-Prima SP em junho

O Matéria-Prima São Paulo passou por dias bem animados durante o mês de junho. O período ficou marcado por apresentações de diferentes ateliês e festa junina!

A maratona de apresentações começou no dia 2 de junho, com um evento que reuniu crianças e pais para mostrar um pouquinho do que foi produzido no primeiro semestre de 2014 pelo grupo vermelho.

Cerca de 150 pessoas se juntaram para prestigiar o pessoal do Ateliê Era Uma Vez. Elas também participaram de uma roda de iniciação e musicalização do Ateliê Som e Movimento, ouviram a cantoria da galera do Canto em Grupo, além de terem dado uma passadinha no pátio para conferir a exposição de almofadas e tapetes feitas no Ateliê Arte para Todos (que ainda está em produção). As atividades foram coordenadas pelos educadores Marcio Maracajá, Cesar Pedrosa, Camila Queiroz e Tiago Gualberto.

Dia 3 de junho, as crianças do grupo verde do Ateliê de Cultura Digital fizeram uma competição para saber qual era a melhor produção de stop motion do primeiro semestre de 2014. A atividade foi monitorada pelo educador Lucca Cardoso.

Os vídeos foram apresentados aos convidados (pais e responsáveis) em um telão. Uma bancada de jurados (composta por educadores e assistentes do Ateliê Escola) votou nas melhores produções. Os ganhadores foram divididos em categorias receberam medalhas!

No dia 5 de junho foi a vez da galera dos ateliês Era uma Vez, Som e Movimento e Arte para Todos do grupo amarelo arrasar nas apresentações. Cerca de 150 pessoas, incluindo crianças e pais, participaram de uma sessão pipoca. Eles viram o trailer dos ensaios que as crianças fizeram em um telão. Todos ficaram muito curiosos para a grande apresentação no final do ano.

Foram exibidos dois curtas: um com a produção com o pessoal da manhã e outro com as atividades realizadas com o pessoal da tarde. Depois o educador Cesar Pedrosa terminou o evento com uma apresentação de capoeira e uma animada roda de samba!

Para fechar com chave de ouro o primeiro semestre de 2014, no dia 11 de junho os pequenos tiveram uma incrível festa junina! Cerca de 270 crianças participaram da confraternização, que contou com gincana com brincadeiras (corrida de saco, dança da laranja, corrida dos três pés, corrida da colher com o limão, boca do palhaço, tomba lata, argolas), correio elegante e 5 minutos (cadeia).

Um trio sanfoneiro fez a trilha sonora da quadrilha superanimada! No final da festa, os meninos e meninas participaram de duas rodas: uma de capoeira e outra de samba.

Matéria-Prima São Paulo visita o Centro Cultural Koró Tenú Embu-SP

No dia 15 de março, a meninada do Matéria-Prima São Paulo (grupos vermelho e amarelo) visitou o Centro Cultural Koró Tenú Embu-SP com o educador de capoeira César Pedrosa. Os participantes foram convidados pelo Ateliê Som e Movimento para a visita, que teve como objetivo conhecer melhor o universo da Capoeira de Angola. Cerca de 300 pessoas participaram deste evento!

A criançada assistiu a apresentações dos grupos Koró Tenú e Escola de Capoeira Angola Cruzeiro do Sul. Os pequenos também conferiram de perto como é que acontece o Batismo de Capoeira – que ocorre quando os novos alunos de capoeira entram, oficialmente, pela primeira vez em uma roda e têm o primeiro contato com o professor ou mestre de capoeira.

O batismo foi tão envolvente que as crianças também interagiram na roda com alguns mestres (Mestre Marrom, Mestre Meinha, Mestre Pernalonga, entre outros) e até aprenderam movimentos de capoeira diferentes com um dos professores do centro cultural, Ciká. Quem sabe no futuro, um deles não vira um grande mestre de capoeira também? Estamos torcendo aqui, crianças!

Dia das Crianças é comemorado com festa à fantasia em São Paulo e Itapevi

O Dia das Crianças foi muito especial no Matéria-Prima Itapevi e São Paulo: teve festa à fantasia, uma reivindicação feita durante as assembleias.

No MPSP a comemoração aconteceu na quinta-feira, 10 de outubro de 2013, e contou com a presença de todos os participantes e educadores. E os ateliês se somaram à festa! As crianças se caracterizaram, com direito a desfile, e ainda levaram um DJ para animar o som: Seu João, pais das participantes Ana Luiza e Maria Fernanda. O cardápio do dia também foi diferente: cachorro quente, pizza, suco e sorvete. Hummm…

Os integrantes do Ateliê Som e Movimento convidaram cinco crianças do grupo “Pequenos Gideões” para se apresentar com o educador César Pedrosa em uma roda de capoeira no pátio do Matéria-Prima. Todos gostaram muito!

No Matéria-Prima Itapevi a festa à fantasia foi na sexta-feira, 11 de outubro de 2013, durante todo o dia, com os educadores e participantes do MP. Durante a semana as crianças decoraram a área externa junto com a educadora Roberta Soares. Ficou linda! O Ateliê Livre de Canto e Percussão abriu a festa, que contou com muita música, brincadeiras e um cardápio especial.

Tanto em São Paulo quanto em Itapevi, os ateliês do dia foram mais curtinhos, com algumas atividades simultâneas. Por exemplo: enquanto o Ateliê de Cultura Digital terminava uma gravação, as outras crianças estavam fazendo o desfile.

Ao final do dia, todas as crianças receberam presentes do Instituto Eurofarma: as meninas ganharam uma bola de vôlei e um relógio e, os meninos, uma bola de futebol e um relógio.