Arquivos do Blog

Trabalho de criança: muita coisa bonita, gostosa e divertida no encerramento do Ateliê-Escola

Os ateliês do Ateliê-Escola também prepararam atividades especiais para marcar o encerramento do ano, realizadas ao longo de novembro e nas primeiras semanas de dezembro. Teve rodas de capoeira, dias de brincadeiras, apresentações de canto e muito mais!

Ateliê Arte para Todos: Cada escola participante do ateliê neste ano ganhou uma instalação artística diferente feita pelas crianças! Os armários das salas da EE Professora Amélia Moncon Ramponi foram restaurados com técnicas de mosaico e pintura em tinta spray. Um dos muros internos da EMEF Carlos de Andrade Rizzini foi colorido com diversas ilustrações. E as paredes da EMEF Professora Maria Lúcia dos Santos contam agora com grandes painéis de MDF ilustrados com personagens gigantes.

Ateliê de Jogos e Brincadeiras: A criançada do ateliê e de outras turmas se divertiu com o Dia de Brincadeiras, organizado na EE Professora Amélia Moncon Ramponi e nas EMEFs Carlos de Andrade Rizzini e Professora Maria Lúcia dos Santos! Foram montados espaços na área externa das escolas com brincadeiras como bolhona de sabão, casinha, argila, bambolê e outras.

Ateliê Era Uma Vez…: Os pequenos contaram histórias do livro “Fábulas Italianas”, de Ítalo Calvino, para seus colegas de outras turmas das EMEFs Professora Maria Lúcia dos Santos e Doutor Antônio Carlos de Abreu Sodré da EE Professora Amélia Moncon Ramponi.

Ateliê Cultura Digital: As turmas do 2º semestre produziram vídeos com depoimentos de alunos e professores sobre histórias que marcaram suas vidas. Os vídeos foram exibidos às turmas das EMEFs Professor Laerte Ramos de Carvalho e João Gualberto do Amaral Carvalho e da EE Professora Amélia Moncon Ramponi em diversas sessões e durante a Mostra Cultural das escolas, com a presença dos pais.

Ateliê Som e Movimento – Capoeira: As Mostras Culturais da EMEF Professor Laerte Ramos de Carvalho e da EE Professora Amélia Moncon Ramponi tiveram rodas de capoeira com os participantes do ateliê, com ladainhas (cantos de capoeira) compostas pelas próprias crianças!

Viveiro Escola: Na EMEFM Professor Linneu Prestes, alunos, pais e moradores da comunidade puderam conhecer o viveiro durante a Mostra Cultural. O viveiro da EE Professora Amélia Moncon Ramponi também teve visitação na Mostra Cultural, além de uma exposição de cartazes com fotos das atividades realizadas durante o ano. Já as turmas da EMEF Alferes Tiradentes se reuniram para um encontro no viveiro, onde saborearam um guacamole feito pelo educador Pedro Massella e pelo assistente Marcel Zimmermann.

Ateliê Canto em Grupo: Seis escolas participaram do ateliê neste ano com 21 turmas, que realizaram 14 apresentações de canto nas escolas para encerrar 2017. Além disso, as turmas da EMEF Carlos de Andrade Rizzini se apresentaram para pais e comunidade no teatro da Paideia Associação Cultural, que fica no mesmo bairro da escola.

Dos ateliês do MP Itapevi para pais, comunidade e escolas da cidade

Os ateliês do Matéria-Prima Itapevi encerraram 2017 com projetos e atividades incríveis, finalizados e realizados entre os dias 27 de novembro e 1º de dezembro. E grande parte dos encerramentos não envolveu apenas o pessoal do MP Itapevi: pais, comunidade e escolas do município foram presenteados com apresentações, instalações artísticas, doações de mudas e brinquedos e jogos feitos pelas próprias crianças! Veja só o que rolou em cada ateliê:

Ateliê Arte para Todos: Os grupos da educadora Fúlvia Marchezi pintaram pratos com o tema “O que é que tem de almoço?” e os instalaram no refeitório do MP Itapevi. Eles também confeccionaram bonecos de pano, que foram doados para o CEMEB Vereador Doutor Paulo Ianaconi. Já a turma da educadora Roberta Fortunato deu uma cara nova para um dos muros da EE Paulo de Abreu, com desenhos de plantas e animais presentes em jardins.

Ateliê Canto em Grupo: Os CEMEBs Maestro Gilberto de Pinho, Floriza Nunes de Camargo e Dona Maria Michelotti receberam uma aula-show da garotada do ateliê, com brincadeiras musicais e uma apresentação com o tema “O terno da MPB: 75 anos de Caetano Veloso, Gilberto Gil e Milton Nascimento”. A turma também se apresentou nos dias 4 e 5 de dezembro em duas unidades da Eurofarma durante o Festival da Eurofarma.

Ateliê de Linguagem: Três produções marcaram o encerramento do ateliê: um repertório de histórias sobre medo e coragem, um scrapbook mostrando os principais acontecimentos em Itapevi neste ano e um baú com jogos de cartas e tabuleiro elaborados pelas crianças. A turma presenteou o CEMEB Professor Paulo Mariano de Arruda com o baú de jogos.

Ateliê Matéria-Prima Encena: A garotada encenou uma versão da peça “Romeu e Julieta”, de William Shakespeare, para pais, funcionários e participantes do MP Itapevi e para as crianças da creche da unidade da Eurofarma em Itapevi.

Ateliê Matéria-Prima no Ar: Para relembrar todas as produções de texto, entrevistas e saídas pedagógicas feitas durante este ano, a turma fez um vídeo contando tudo o que aconteceu.

Ateliê Era Uma Vez…: O pessoal do ateliê realizou contações de histórias adaptadas do livro “Fábulas Italianas”, de Ítalo Calvino, no CEMEB Professor Paulo Mariano de Arruda e no MP Itapevi. Também foi organizada uma oficina de pizza com os pais e um varal de histórias no lado externo do MP Itapevi, para que qualquer pessoa pudesse levar um exemplar para casa.

Ateliê de Jogos e Brincadeiras: Um divertido circuito com brincadeiras aprendidas ao longo do semestre encerrou as atividades do ateliê!

Ateliê Som e Movimento – Dança: A turma fez uma apresentação animada de coco de roda no MP Itapevi com músicas de Selma do Coco, Renata Rosa e Coco Raízes de Arcoverde.

Ateliê Itapevi + Verde: As crianças realizaram uma doação de mudas para os alunos da EE Paulo de Abreu que também participam do ateliê, para pais e familiares e para moradores da comunidade.

Ateliê-Escola: acervo em vídeo de histórias de vida e arte nas escolas

Dois ateliês encerraram o primeiro semestre no Ateliê-Escola com produtos finais que deixaram sua marca nas escolas! O educador Lucca Cardoso orientou os participantes do Ateliê Cultura Digital no projeto “Retrato de classe”. As crianças filmaram depoimentos dos participantes do ateliê e de professores das EMEFs Doutor Antônio Carlos de Abreu Sodré, Professor Laerte Ramos de Carvalho e João Gualberto do Amaral Carvalho em que eles contam histórias marcantes de suas vidas. Os vídeos formaram um acervo digital de histórias, que foram exibidas nas escolas e podem ser assistidas neste link.

No Ateliê Arte para Todos, cada escola teve um projeto diferente, conduzidos pela educadora Fúlvia Marchezi. As crianças da EE Professora Amélia Moncon Ramponi se inspiraram no artista catalão Antoni Gaudí para restaurar 28 armários da escola com mosaico e pintura com tinta em spray. Os participantes do ateliê na EMEF Doutor Antônio Carlos de Abreu Sodré imaginaram seres de outro mundo e fizeram um desenho gigante de um deles, que foi pintado com giz de cera, colocado em placas de MDF e será instalado em uma parede da escola. E os muros da EMEF Carlos de Andrade Rizzini foram coloridos com ilustrações dos pequenos de seres rastejantes e voadores.

Ateliê-Escola: saiba como foram os encerramentos em cada ateliê

O Ateliê-Escola encerrou as atividades de 2016 com uma série de atividades e apresentações que envolveram os participantes dos ateliês, pais e comunidade escolar. Confira o que foi realizado ao longo de novembro e no início de dezembro!

As crianças do Ateliê Arte para Todos decoraram bancos da EE Professora Amélia Moncon Ramponi e muretas, corrimões e armários da EMEF Alferes Tiradentes com mosaicos coloridos. O 1º ano da EMEF Carlos de Andrade Rizzini desenhou retratos inspirados nas pinturas de Amadeo Modigliani, que foram colocados em uma placa de MDF e instalados em uma parede da escola. E a turma da EMEF Professora Maria Lucia dos Santos finalizou sua colcha de retratos, que será instalada na escola.

O encerramento do Ateliê Canto em Grupo foi marcado por diversas apresentações! Algumas delas aconteceram durante as Mostras Culturais da EE Amélia Moncon e das EMEFs Carlos Rizzini, Doutor Antônio Carlos de Abreu Sodré e Professor Laerte Ramos de Carvalho. Já as crianças das EMEFs Alferes Tiradentes e João Gualberto do Amaral Carvalho, além de outras turmas da EE Amélia Moncon e da EMEF Carlos Rizzini, se apresentaram em suas escolas para pais, alunos e funcionários.

Nas EMEFs Alferes Tiradentes e Carlos Rizzini e na EE Amélia Moncon, as turmas do Ateliê Jogos e Brincadeiras se juntaram para um dia de muita diversão, com várias brincadeiras regionais aprendidas no ateliê durante o semestre.

O Ateliê Era Uma Vez… organizou o lançamento e a entrega dos livros elaborados pelos participantes ao longo do semestre. As crianças da EMEF Maria Lucia dos Santos e da EE Amélia Moncon fizeram textos e ilustrações para recontar do seu próprio jeito as histórias que conheceram no ateliê.

As turmas do Viveiro Escola na EMEF Alferes Tiradentes foram presenteadas com vasinhos de mudas e participaram de brincadeiras no espaço do viveiro. Na EMEFM Professor Linneu Prestes, as crianças prepararam vitaminas deliciosas misturando frutas e ervas e hortaliças colhidas no viveiro: menta, couve, malva-cheirosa, malvavisco, hortelã, flor-de-cosmo, erva-doce, folha de pitanga e capim-limão.

Uma grande roda de capoeira foi realizada na Mostra Cultural da EMEF Laerte Ramos para finalizar as atividades do Ateliê Som e Movimento – Capoeira. Cada turma da EE Amélia Moncon também organizou uma roda para jogar capoeira.

O Festival de Animação do Ateliê Digital agitou a criançada da EE Amélia Moncon e das EMEFs João Gualberto e Antônio Carlos Sodré! Desta vez, os filmes em stop motion de cada escola foram exibidos em outra escola para que os alunos escolhessem o vencedor do Festival. As turmas premiadas receberam medalhas e um troféu. Além disso, os filmes feitos pelos participantes da EMEF Laerte Ramos no primeiro semestre e pelas crianças da EE Amélia Moncon neste semestre foram exibidos nas Mostras Culturais das escolas. Confira duas das produções deste ano:

Festival Matéria-Prima 2016 encerra as atividades do ano em Itapevi

Para encerrar as atividades do ano, o Matéria-Prima Itapevi realizou o Festival Matéria-Prima 2016. Durante o mês de novembro e o início de dezembro, os ateliês apresentaram suas produções aos participantes e funcionários do MP Itapevi, pais, comunidade e público interno da Eurofarma. Veja só o que aconteceu!

Entre os dias 28 de novembro e 2 de dezembro, as unidades da Eurofarma receberam o Festival do Instituto Eurofarma, com apresentações da peça “As três velhas tecelãs” – um teatro de fantoches encenado pelo Ateliê Matéria-Prima Encena – e pocket shows com muito samba do Ateliê Canto em Grupo.

O pessoal do Ateliê Era Uma Vez… contou histórias que falam de medo e coragem aos seus familiares e amigos na sede do MP Itapevi, em 23 de novembro.

O Ateliê Arte na Cidade fez uma vernissage para inaugurar a nova pintura dos muros da EE Paulo de Abreu nos dias 22 e 23 de novembro. Além dos integrantes do ateliê, participaram professores e coordenadores da escola. As crianças também coloriram os muros internos da sede do MP Itapevi com desenhos de seres mitológicos.

A garotada do Ateliê Matéria-Prima no Ar apresentou a nova edição da revista eletrônica “Abre-te Cérebro!” aos alunos de Marketing e Comunicação da Unidade Educacional do Instituto Eurofarma. A visita aconteceu no dia 23 de novembro.

Nos dias 1, 8 e 22 de novembro, foram realizadas apresentações do Ateliê Canto em Grupo na sede do MP Itapevi, para integrantes, funcionários, familiares e amigos; e para os alunos do Instituto Madre Paula Elizabete Ceriolli. O tema foi “O samba pede passagem”.

Ao longo do semestre, o Bloco MPI (Ateliê de Percussão) fez oficinas de maracatu e apresentações em quatro escolas municipais de Itapevi. As atividades foram encerradas em 19 de novembro com um cortejo na rua para familiares, amigos e toda a comunidade.

A peça “As três velhas tecelãs” foi encenada pelas crianças do Ateliê Matéria-Prima Encena para o público interno do MP Itapevi, no dia 1º de novembro; e para alunos de duas escolas municipais de Itapevi, nos dias 8 e 22 de novembro. As crianças também presentearam as escolas com fantoches e o roteiro da peça.

Os participantes do Ateliê Itapevi + Verde distribuíram mudas de plantas para as casas vizinhas ao MP Itapevi e finalizaram os jardins construídos nas casas de quatro crianças. As atividades aconteceram em 23, 25 e 30 de novembro.

Em 28 de novembro e 1º de dezembro, a turma do Ateliê de Capoeira fez uma demonstração dos movimentos e golpes aprendidos ao longo do ano.

As produções do Ateliê de Linguagem foram publicadas em um site para que todos possam conferir. Acesse neste link.

Últimas atividades do semestre nos ateliês do Matéria-Prima Itapevi

Apresentação de canto, piquenique, oficinas com os pais… Teve muita coisa bacana na última semana de atividades do semestre no Matéria-Prima Itapevi! A gente já contou como foi a exposição do Ateliê Arte na Cidade nesta matéria. Agora você vai conferir o que aconteceu nos outros ateliês.

O Ateliê de Linguagem teve encerramentos diferentes nas três turmas. A turma A, da educadora Maria Lúcia Vidal, dedicou o mês de junho para estudar textos relacionados à Festa Junina, como letras de músicas e receitas. Eles fizeram cartazes para anunciar a Festa Julina do MP Itapevi e, no último dia, prepararam uma receita de pé-de-moça para servir na festa. As crianças da turma B escreveram novos finais para três lendas e mitos estudados no semestre com a educadora Renata Melo. Na turma C, os meninos e meninas fizeram apresentações orais das resenhas que escreveram sobre três filmes de curta-metragem. A educadora Catiusca Borges também sorteou livros que fizeram parte do projeto “Eu te levo, você me leva” entre a garotada. Os textos que as três turmas escreveram durante o semestre foram expostos em um mural no MP Itapevi.

Os pais e responsáveis do pessoal do Ateliê Matéria-Prima Encena participaram de uma oficina de bonecos feitos de materiais recicláveis. Os filhos ensinaram os familiares a construir fantoches de monstros e extraterrestres, e o trabalho será finalizado em uma segunda oficina em agosto. A educadora Renata Melo disse que os bonecos que serão utilizados nas apresentações do segundo semestre já estão prontinhos! No Ateliê Itapevi + Verde, o educador Bruno Helvécio organizou um delicioso piquenique de frutas com as crianças na EE Paulo de Abreu.

A garotada do Ateliê Canto em Grupo e o educador Daniel Reginato selecionaram algumas músicas do repertório do primeiro semestre para apresentar aos participantes e funcionários do MP Itapevi, como “Samba de Maria Luiza”, de Tom Jobim, “Mas que nada”, de Jorge Ben Jor, e “Samba da Bênção”, de Vinicius de Moraes. O Bloco MPI, do Ateliê de Percussão, aproveitou para ensaiar junto com a educadora Simone Medeiros as músicas da apresentação que encerrou o semestre, realizada na Festa Julina do MP Itapevi. Os Ateliês de Capoeira, do educador Edson Santos, Era Uma Vez…, do educador Márcio Maracajá, e Matéria-Prima no Ar, da educadora Renata Melo, já finalizaram o percurso de atividades do primeiro semestre.