Arquivos do Blog

Viveiro da EMEFM Linneu Prestes ganha lago com peixes e plantas

O dia 24 de abril foi de muita festa na EMEFM Professor Linneu Prestes: o novo lago que compõe o viveiro da escola foi inaugurado! A obra foi realizada pelo Viveiro Escola, do Ateliê-Escola, e conduzida pelos educadores Julio Muller e Pedro Massella, com o apoio do assistente Marcel Zimmermann. A ideia foi montar um sistema completo de aproveitamento e tratamento de água da chuva no viveiro, que já contava com calha, reservatórios e filtro. Agora, além de irrigar as plantas, parte da água da chuva será direcionada para o lago.

Foram incluídos no lago aguapés e samambaias d’água (plantas que ajudam a filtrar a água) e uma área de transbordo, com plantas que absorvem bastante água. Além disso, o lago virou o lar de lebistes, kinguios, mocinhas, guarus e outras espécies de peixes – com preferência para as que se alimentam de larvas e insetos, fazendo com que o local não se torne um foco do mosquito da dengue. Todos os funcionários, professores e alunos do 1º ao 5º ano participaram da inauguração, que teve apresentação de um projeto de flauta da escola, chás com ervas colhidas do próprio viveiro e uma apresentação de como funciona o sistema para aproveitar e tratar a água da chuva.

Matéria-Prima Itapevi inaugura Viveiro Escola

As novidades no Matéria-Prima Itapevi parecem pipocar! Agora, os pequenos têm oficialmente um Viveiro Escola. Lá, os meninos e meninas do Ateliê Itapevi + Verde aprendem sobre o cuidado da terra, cultivo das plantas e importância da água, cuidando e plantando diferentes mudas. O lugar foi construído pela equipe do Instituto Eurofarma, em um espaço cedido pela Escola Estadual Paulo de Abreu. Ficou muito lindo, gente!

O viveiro é coisa nova no Matéria-Prima Itapevi porque antes os pequenos cultivavam as plantas em um espacinho na sede, e as entregavam a seus pais e responsáveis como parte do percurso Minha Casa Mais Bonita. Isso seguiu até 2013. Agora, neste ano, as crianças fazem essas atividades apenas no viveiro.

O mais legal é que rola uma interação entre a EE Paulo de Abreu e o pessoal do Ateliê Itapevi + Verde. Isso porque o espaço também é utilizado pelas crianças da escola. De segunda a quinta-feira o lugar é utilizado pelo pessoal do Ateliê Itapevi + Verde, com a orientação do educador Bruno Helvécio. A galera da EE Paulo de Abreu (alunos dos 6° ao 8° anos) utiliza o viveiro às terças-feiras de tarde.

No final do ano as mudas de temperos, hortaliças, leguminosas, frutas e cultivadas ao longo do percurso serão doadas para os participantes do Ateliê Itapevi + Verde e para os alunos da EE Paulo de Abreu. Mal podemos esperar para ver essas mudinhas crescidas!

Vernissage inaugura a caverna rupestre do Matéria-Prima

Como já contamos aqui, os alunos do Ateliê Arte para Todos revestiram a caverna da sede São Paulo do Matéria-Prima de pinturas inspiradas na arte rupestre.

Na última quinta-feira, 3 de maio, uma vernissage inaugurou oficialmente o espaço. Os alunos convidaram alguns funcionários da unidade especialmente para o evento e apresentaram o resultado de seu trabalho.

Agora que foi devidamente inaugurada – com direito a aperitivos e paparazzi! – a caverna está aberta para exploração por todos os alunos e funcionários do Matéria-Prima e moradores da região.

Depoimento do aluno Luiz Felipe sobre o desenvolvimento do projeto: